19 de outubro de 2017

[NEWS] 10 razões para o NU’EST sempre ter merecido a sua atenção [17/10/17]


Membros da boy band NU’EST da Coréia do Sul participando do ‘Show Champion’ da MBC Music no AX Korea em 17 de julho de 2012 em Seul, Coréia do Sul.

Apesar de terem debutado mais de cinco anos atrás, NU’EST apenas está atingindo seu grande passo -- e novos auges nos charts da Billboard -- em 2017 depois de uma difícil, e às vezes aparentemente sem esperança, estrada.

Um começo emocionante em 2012 apenas levou ao sucesso médio para JR, Aron, Baekho, Minhyun e Ren, conduzindo a banda a se inscrever para a segunda temporada da competição de canto da TV Produce 101 como uma potencial última tentativa de oportunidade. O conceito do programa era deixar os esperançosos do K-pop terem uma vantagem na indústria, formando uma superbanda de trainees que promoveria por um ano. A participação de JR, Baekho, Minhyun e Ren foi uma admissão de que eles estavam ainda estavam esperando sua grande oportunidade.

No entanto, como o interesse e a popularidade recém descoberta atingiu os garotos graças ao trabalho duro deles no P101, os telespectadores logo perceberam como eles subestimaram a banda. Anteriormente, os ouvintes inconscientes começaram a mergulhar na discografia deles, movendo faixas antigas deles para os charts e garantindo um enorme seguimento de fãs prontos para apoiar seu próximo passo.



Recentemente, a banda fez seu primeiro lançamento de álbum completo com W, Here, um EP lançado por JR, Baekho, Ren e Aron indo com o nome NU’EST W enquanto Minhyun promove por um ano com a boy band criada pelo Produce 101, Wanna One. Com NU’EST alcançando novas alturas nos charts -- incluindo sua primeira entrada no Top 5 do World Albums chart depois de cair anteriormente a ponto de não ter nem entrado no Top 10 com seus últimos lançamentos – nós examinamos o porquê do grupo ter sempre sido uma das mais excitantes boy bands do K-pop e merecerem essa atenção.

 1. Eles lançavam material único desde seu debut -- NU’EST debutou com “Face”, um single que tocou no bullying e nas pressões sociais modernas, e instantaneamente os separou das outras boy bands. Letras inteligentes no rap do Aron (“Esta é uma história sobre um anão e gigante / Mas vai acabar assim como Davis e Goliath”), juntamente com imagens impressionantes em seu music video, os distinguiu ainda mais como uma atuação com algo para dizer e se tornaria um tema ao longo de suas carreiras.

2. Mesmos seus primeiros lados-B foram excelentes -- a maioria dos fãs de K-Pop concordariam que a maior parte dos grupos não tendem a ter um material mais forte em seus dias iniciais, mas NU’EST foi uma grande exceção. “NU, Establish, Style, Tempo”, a música de intro que introduziu “Face” em seu primeiro EP, foi uma mistura fascinante de dubstep de hard-hitting do momento, enquanto os cortes de álbum “Not Over You” e “Sandy” no EP Action deles de 2012 foi o melhor tipo de música açucarada, bem-humorada de boy band pop.
3. “Face” mantém um impressionante recorde no YouTube -- Por vários anos, NU’EST mantém um recorde de music video de debut mais visto entre os representantes de K-pop. Os garotos acumularam perto de 50 milhões de visualizações no seu visual de debut, até representantes sensacionais como Twice e Blackpink superaram esses números com seus primeiros vídeos. Mesmo agora, com mais de 69 milhões de visualizações (na hora da publicação), o longo sucesso no YouTube de “Face” mostrou porque os garotos foram um grupo rookie a ser considerado.
4.  Seus membros têm desafiado as normas de gênero... -- Desde o Dia 1, Ren se destacou por seu estilo andrógeno e começou sua jornada de flexão de normas de gênero, fazendo dele um verdadeiro pioneiro na cultura conservadora da Coréia do Sul. Em 2016, o cantor estrelou uma campanha para a loja VIP da China, com base na China, arrasando em cabelos longos e uma saia. Ren compartilhou uma foto da campanha no Twitter, escrevendo: “Eu sou um menino ou uma menina? Eu sou um homem. A moda faz uma pessoa e a sua impressão”, demonstrando ainda mais sua abordagem fluida para construções tradicionais de gênero.
5.  ...e padrões de corpo no K-pop -- Do outro lado do espectro, o vocalista cheio de energia, Baekho, destacou-se pela sua construção mais musculosa no K-pop. Nas primeiras fotos promocionais do NU’EST normalmente se vê Baekho balançando as mangas curtas ou cortadas para mostrar seus impressionantes bíceps, diferentes das construções mais leves mais comumente vistas por boy bands jovens. Com Ren e Baekho, NU’EST ajudou a mostrar a diversidade no cenário do K-pop e provar que estrelas poderiam vir em todas as formas e tamanhos.
6. Eles tiveram mentalidade internacional desde o começo -- NU’EST sempre teve vontade de atingir os mercados internacionais. Os garotos se apresentaram no primeiro KCON de todos, em 2012 em Irvine, Califórnia, e comemoraram seu primeiro aniversário com um concerto japonês. A banda também fez promoções na China como NU’EST-M, cantando em mandarim e recrutando o cantor chinês Jason para se juntar ao grupo como uma colaboração entre sua marca coreana Pledis Entertainment e a Yuehua Entertainment, uma das principais empresas de música da China.

7. “Hello” foi a ballad de sucesso que escapou -- NU’EST poderia ter se tornado famoso por suas ballads se as coisas tivessem trabalhado um pouco mais a seu favor com o terceiro single “Hello”. Lançado em 13 de fevereiro de 2013, a música emotiva de inverno falou com alguém com o coração partido ou confuso em um relacionamento no Dia dos Namorados, e era seu single mais famoso no momento. Parecia provável que os impulsionasse para uma popularidade dominante antes que o momento da banda desaparecesse. No entanto, a faixa começou a ganhar muito interesse durante o período de Produce 101 dos garotos com a onda de novos ouvintes que comprovaram o poder atemporal da faixa.
8.  Quanto mais eles se envolveram, mais experimentais suas músicas se tornaram -- Com o lançamento dos EPs de 2012, Q Is e Canvas, NU’EST começou a desempenhar um papel muito mais ativo na escrita e produção de sua própria música. Isso levou a algumas de suas mais brilhantes e experimentais faixas, que até se destacam apenas com os seus títulos, como “VVITH”, “Love Paint” e “R.L.T.L (Real Love True Love) [One Morning]”.
9.  Eles são muito hilários -- Há muito tempo os fãs do NU’EST -- carinhosamente chamados de L.O./\.E. -- sabem que os garotos têm um charme irresistível que até mesmo seus colegas não podem negar. Quando eles são autorizados a se soltar um pouco, os garotos racham uns dos outros, enterram seus rostos nas mangas uns dos outros, ou se divertem com os hábitos mais embaraçosos de seus companheiros de banda, tudo em nome do bem, amor fraternal.
10.   Eles nunca desistem -- Apesar das dificuldades empilhando-se rapidamente contra eles e o próprio NU’EST dizendo que sentiram vontade de desistir de suas carreiras, NU’EST sempre seguiu sua jornada. Mesmo com um duro e emocional começo no Produce 101 -- que incluiu algumas pontuações de baixo escalão, juntamente com a juíza e ex-colega de empresa Kahi, que se despedaçou ao ver os quatro membros fazendo audição -- os garotos forçaram e seus talentos foram eventualmente reconhecidos para levá-los ao topo dos charts e para dentro de mais corações do que nunca.

NU’EST se tornou uma questão de livro de texto para que sempre há uma chance de alcançar seus sonhos. A história deles aparentemente tem inspirado uma série de programas de TV de subproduto na Coréia sobre os ídolos obtendo uma segunda chance (procure por uma série de estrelas na esperança de oportunidades semelhantes nas próximas competições de canto, The Unit, MixNine e uma esperada terceira temporada do Produce 101 em 2018), mas não importa se eles são a primeira estrela a ter uma segunda chance como idols, será difícil negar que o NU’EST não ganhou esse grande momento.


Cr:Billboard
Trad ENG-PTBR:NU'EST Brazil 

0 Comentários:

Postar um comentário

 

Receba notícias no e-mail!

Contato

Email: nuestbrazil@gmail.com